Como se Tornar um Coprodutor Digital sendo Afiliado

Coprodutor Digital

Você quer saber o quer é ser um coprodutor digital e como isso funciona, na prática?

Então, leia esse artigo até o final, para conhecer essa possibilidade que está permitindo que muitas pessoas tenham seus negócios na internet.

Antes de falar diretamente sobre coprodução é preciso deixar claro alguns conceitos sobre criação de produtos digitais.

Por que criar um produto digital?

A primeira resposta para essa pergunta poderia ser, porque temos conhecimento em um nicho de mercado e queremos ajudar e ensinar algo para um determinado grupo de pessoas.

Mas, indo um pouco mais a fundo dentro do mercado de afiliados, podemos dizer criar um produto digital é elevar o negócio online a um nível melhor.

Isso, porque a hora que você é produtor(a) passa a ter controle de todo processo de criação do seu negócio.

Agora você não precisa mais pedir para o produtor os e-mails de quem comprou seu produto para enviar um brinde, porque o produto é seu e você tem TODO controle do que vende, quando vende e quanto vende.

Além disso, é muito mais prazeroso e libertador criar campanhas para seus produtos do que para os produtos de terceiros.

E, por último, mas não menos importante, criar um produto é a melhor forma e o caminho mais curto para se tornar autoridade em seu nicho de mercado.

O que é um Coprodutor Digital

Dentro desse pensamento e dinâmica dos negócios digitais surge a oportunidade para pessoas que querem ter um negócio online, mas não possuem todo o conhecimento necessário para criar um produto.

O Coprodutor Digital é uma pessoa que tem uma parte do conhecimento para criar um produto, mas não o conhecimento completo.

Por exemplo, você sabe muito sobre algum determinado tipo de artesanato e quer ensinar pessoas a fazerem esse produto.

Mas, não tem conhecimento de como vender um curso, não sabe nada de marketing digital e muito menos de redes sociais para divulgação.

Você chama uma pessoa que entenda dessa parte de marketing e vendas e foca apenas na parte de criação do curso ensinando fazer o produto de artesanato.

Essa pessoa será sua coprodutora, ou seja, alguém que tem uma parte do conhecimento para criar o produto e que, por isso, será sua sócia/parceira nesse empreendimento.

Como ter um Coprodutor Digital sem muita dor de cabeça

Dentro da plataforma Hotmart que é a que escolhi para abrigar o meu curso, o Pinterest Pro, existe uma ferramenta voltada para o gerenciamento de coprodução.

Essa ferramenta permite definir o tempo que essa parceria durará, o valor que será pago ao coprodutor, e também todas as métricas necessárias para avaliar os resultados dessa parceria.

A plataforma parte do princípio de que o produtor principal precisa ter 30% do faturamento, pois será responsável por toda parte legal e tributária.

Assim, os outros 70% podem ser divididos do jeito que o produtor achar melhor, sendo que é possível ter mais de um coprodutor para o mesmo produto.

Poder definir um tempo para o término do contrato de coprodução é fundamental, pois assim fica bem definido até onde vai o trabalho de cada uma das partes.

Por exemplo, você criou um curso, mas precisa de alguém apenas para criar a página de vendas e a página do checkout.

Colocar essa pessoa como coprodutora dará a liberdade que ela precisa dentro da plataforma para configurar essas páginas, e você poderá definir um prazo para ela participar do valor das vendas, como forma de pagamento.

Nos EUA esse tipo de parceria é muito comum, pois lá o conceito de ganhos para prestadores de serviços é remuneração a partir dos resultados obtidos com o serviço adquirido.

Utilizando a ferramenta da Hotmart, você poderá chamar uma pessoa para ser sua coprodutora, e definir o tempo que essa parceria ficará ativa.

A função de Coprodutor Digital cria uma nova possibilidade de negócio

Com essas explicações que dei acima, acho que deu para perceber que muitas portas se abrem para o empreendedorismo digital.

Veja, se você sabe muito sobre marketing, vendas, estratégias de divulgação pode se juntar com alguém que tem apenas conhecimento para criar um produto. 

Se você só tem o conhecimento específico para criar um produto, pode se juntar com quem tem conhecimento para fazer toda a parte de divulgação e vendas.

Quem tem somente o conhecimento de marketing pode começar um novo negócio fazendo parcerias com os produtores(as) que precisam desse conhecimento para criarem seus cursos.

Assim, o empreendedorismo digital está sempre se adequando e abrindo novas formas de trabalho para todos.

Segundo T. Harv Eker escritor do livro “Segredos da Mente Milionária”, a forma mais sensata e inteligente de ganhar dinheiro é vendendo conhecimento.

Então, se você tem conhecimento em alguma área e sabe que outras pessoas pagariam para aprender o que sabe, pode ser interessante encontrar uma pessoa para coproduzir um curso online, ou livro digital.

E tem que já utiliza dessa estratégia há um bom tempo e tem muito a dividir sobre o assunto. Ela se chama Aline Cesário e criou um treinamento para preparar você que já enxergou a oportunidade e deseja faturar nesse mercado.

Vou deixar o link aqui, caso queira conhecer e entender um pouco mais da proposta.

A BLACK FRIDAY do Marketing Digital está chegando...

Tatiane Faria

Olá, meu nome é Tatiane Faria, tenho 30 anos, sou casada, mãe da Alice e agora Empreendedora Digital. Descobri à mobilidade da internet e as possibilidades que ela oferece. Quer descobrir também?

Website: https://euempreendedora.com

    6 Comentários

    1. Adorei o post!

      Aprender a maneira correta de como trabalhar como afiliado digital profissional vale muito a pena.

    2. Adorei seu post!

      Recentemente fiz um post dando dicas valiosas de como começar a trabalhar como afiliado digital, a galera está gostando muito!

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *